Central Integrada de Atendimento: 27 3062.2282
banner

Saiba o que é a Sindrome do Ombro Congelado

A Capsulite Adesiva, ou Síndrome do Ombro Congelado, é característica pelo quadro de dor em repouso e aos movimentos, associado a perda gradual de movimento do ombro. Esta doença pode estar associada a distúrbios metabólicos, como alterações do hormônio da tireoide e diabetes, a causas secundárias como um quadro de dor forte no mesmo membro como após uma fratura de punho, ou pode se manifestar sem causa aparente.

Capsulite01

O que é?
A Sindrome do ombro congelado é uma doença que acomete a cápsula da articulação do ombro. A capsula da articulação se torna inflamada, rígida e fibrótica, causando uma diminuição dos movimentos do ombro e dor.

Por que desenvolvi a Capsulite adesiva?
Existem inúmeras causas conhecidas, porém em alguns casos não consegue se encontrar um motivo. As causas podem ser divididas em:
Intrínsecas: São doenças do próprio ombro que cursam com dor, e esta dor predispõe á uma resposta inflamatória que causa a capsulite adesiva. Algumas doenças intrínsecas são: Lesão do manguito rotador, fraturas do ombro, tendinite
do bíceps.

Extrínsecas: São doenças que causam dor no membro, porém sem afetar o ombro, e que predispõe a uma resposta inflamatória que causa o congelamento do ombro. Algumas causas extrínsecas são: Fratura do punho, infarto agudo, distrofia de Sudek, entre outras.

Metabólicas: O pacientes portadores de diabetes e distúrbio do metabolismo dos hormônios da tireoide têm maior incidência de capsulite adesiva.

Quando Suspeitar?
Quando existir um quadro de dor persistente em ombro associado a rigidez desta articulação. Atividades corriqueiras como vestir uma blusa, pentear o cabelo e tomar banho se tornam difíceis e muito dolorosas.

Como é diagnosticado?
O diagnóstico é feito pelo seu médico assistente, e ele irá se basear no seu histórico e exame físico. O diagnóstico da capsulite adesiva é feito pela clinica do paciente, exames como ressonância magnética, radiografias e ultrassonografia são complementares e usados para fazer diagnóstico diferencial com outras doenças.

A Capsulite tem Cura?
Sim! Esta doença é autolimitada, o que quer dizer que a dor irá cessar e os movimentos voltarão ao normal, porém não se pode dar um prazo preciso de retorno á normalidade. O tratamento melhora a qualidade de vida do paciente e acelera
o processo de recuperação. Tão logo é feito o diagnóstico e indicado o tratamento, mais rápida a melhora.

Compartilhe nas redes:

  • Logo Facebook
  • Logo Twitter